30 de abril de 2015

Um Parceiro Especial...


As vezes, mesmos estando em caminhos diferentes, um dia a gente acaba cruzando com aquela pessoa especial...


Comigo não foi diferente. O meu companheiro de vida e de vários projetos e viagens, é muito eclético e com uma história de vida que daria para preencher tranquilamente um livro com mais de quinhentas páginas...


Agora aposentado, virou literalmente um parceirão da Jubiart: Delineia projetos, fiscaliza, realiza, monta, desmonta (literalmente um blaster rs), desenha, esculpe, dá (muitoooo) pitaco, e está sempre de bom humor (adoroooooooo), e como bom libriano, tudo que faz, faz bem feito! Relaxem, esse ser não é perfeito, mas até nas imperfeições nos complementamos, remendamos, arrematamos e fica tudo bem.


Nesta tal idade da maturidade, fizemos algo não tão maduro, tivemos um filhote temporão, e descobrimos uma nova fonte da juventude e uma grande encrenca rsrsrsrsrssr.


Mais um parceiro de fina sintonia e boa energia, trabalhando integralmente na Jubiart (o bônus que veio junto com a aposentadoria rs).
Cá entre nós, não sou uma menina de sorte?

22 de abril de 2015

Celebração Literária: 10ª Edição - BookCrossing Blogueiro!


O que faz o BookCrossing Blogueiro ser especial, além do giro e a movimentação do livros, é a socialização das pessoas em torno da democratização de leitura, o desapego e acessibilidade, o saber que o conteúdo de uma leitura foi bom para você,  e poderá trazer outro sentido ou possibilidade para um novo leitor.



Muitos romances,


e muitos livros infantis foram libertados.


Recebemos muitas doações de livro infantis.


Tivemos também boas revistas e poucos livros didáticos.


No mês de janeiro começamos a obra da construção de um gazebo, uma área coberta e aberta para lazer/trabalho e decidimos inaugura-lo com a 10ª edição do Bookcrossing Blogueiro. Acredito que boas energias, atraem boa energias, começamos a história do gazebo que um dia foi uma maloca, muito bem, literalmente!

Conhecer toda história do BookCrossing Blogueiro e como participar (super fácil) acesse o blog da Luma Rosa através do link http://luzdeluma.blogspot.com.br/2015/03/vem-ai-10-edicao-do-bookcrossing.html#comment-form.

Luminha, (Genntemm já sou íntima rs), acho que deveria ter quantificados os livros libertados e os recebidos para o evento, faltou tempo para os arremates, e para não faltar para o próximo, já estou planejando... umas das idéias é levar o evento para zona rural, principalmente para as crianças, lembro da minha infância, entrei numa biblioteca só na adolescência, livros na minha casa, somente a bíblia. Pensando também em levar amigas voluntárias (já contagiadas) para fazermos rodas de histórias e leituras. Estás vendo o que acontece quando uma pessoa, como você planta uma semente? 
Grata por oportunizar ser um "fruto", quem sabe um dia viro semente...


19 de abril de 2015

Sou índia, e daí?


Daí? A sensação que tenho na minha região é de negação e não de afirmação.

Imagem: Fazendo pintura indígena com tinta natural de jenipapo verde, dependendo do PH da pele, perdura até por quinze dias.

Como a maioria sabe, sou paraense cabocla de uma boa mistura:Índio, negro e branco, é literalmente uma "maniçoba" rsrsrsrssr, se você olhar para o rosto de um típico paraense, temos cabelos grossos, maçãs do rosto saliente, lábios roxo e os olhos puxados, traços tipicamente indígena, agora fale para alguém - "você é índio!", a pessoa fecha a cara e se sente ofendido, claro que existe exceção, mas a maioria reage assim. Nunca fiz teste para saber minha origem genética, mas tenho certeza que o meu sangue índio vai gritar!


Imagem: Visita na aldeia Prata dos índios Apinajés no encontro de pajés (2014).


Através da Jubiart, tento estimular a cadeia produtiva de artesanato dos Apinajés, porém a venda ainda é muito incipiente. exponho seu artesanato no período de férias e eventos, consumo muito a fibra de tucum nas minhas biojoias. Já levei o Sebrae para viabilizar um diagnóstico para ver a possibilidade deles participarem de feiras, que é um excelente canal para vender o seu artesanato. A dificuldade do contato Sebrae, é a distância da capital Palmas. Enfim, como sempre digo, é trabalho de formiga, e a formiguinha aqui é muito persistente.

Pessoa luz, um bom domingo de índio! (Não gosto destas datas pontuais), E uma semana produtiva com muito harmonia!

Bia.

10 de abril de 2015

"Ajeitando aqui e acolá" A Jubiart Chega Lá...


Esse é o tal do "antes e o depois", comigo não funciona muito, porque mudo muito, e sempre, literalmente rsrsrs. 
Não gostava nem um pouco deste chão...


Telhas pintadas, piso novo.


Porta sumindo...


Visual nu e cru (sem porta).


Antiga janela. As meninas? Toda janela que se preze tem gatinhas.


Janela nova, maior e visualmente ficou ótima dos dois lados.



Até as estantes pintei.


 Esta, optei pelo amarelão, um escândalo de cor! Com fundo branco o produto fica em destaque.


Enquanto postava, já acrescentei (não aparece aqui) os espelhos em algumas paredes, nichos com mais peças etc.
O Espaço do Artesão, roupas artesanais/acessórios, e a oficina, ainda finalizando a organização. A fachada a pintura está lenta, mas logo, logo postarei!
Apesar de toda essa reforma o nosso ponto alto, e que nunca mudará: É abrir a porta e tomar a primeira lufada de brisa vinda do nosso rio Tocantins e compartilhar um pouco deste nosso estilo de vida com vocês.


2 de abril de 2015

Ele está chegando... Bookcrossing Blogueiro - 10ª Edição


Oi turma luz! Relaxem, não é a corrente de letras fofinhas no Face (se bem que a minha não é nada fofa rs), esta foi a minha primeira participação no bookcrossing no ano de 2012.


Desde então, participo de todas, e na medida do possível/impossível, visito  os amigos e participantes.


10ª Edição do Bookcrossing é uma vitória e um legado do "Brasil pátria educadora", eu diria "auto educadora", infelizmente na região Norte ela não chega como "prioridade nacional". Parabéns Luma Rosa e parceiros Bookcrossing Blogueiros! A intervenção do cidadão atuante e transformador, é essencial para mudarmos alguma coisa da base para o ápice. 


Este dias vi uma entrevista de uma escritora francesa,  e soube que na França é um dos lugares aonde mais existem livrarias, é uma livraria para cada quatro mil habitantes, pelas minhas contas teríamos umas cinco livrarias na minha cidade de Tocantinópolis - TO. E não temos nenhuma, juro que senti um misto de tristeza e um ponta (grandona rs) de inveja dos franceses.


Os livros que aparecem aqui já foram libertados, e esta penúltima imagem foi a do Bookcrossing de nov/2014, ele acabou sendo um grande evento na cidade, entramos pela noite, além dos livros e revistas que libertamos, a comunidade trouxe mais... Sinto que só precisamos de uma fagulha para criarmos uma labareda, temos fome de saberes, de leituras e muita vezes não temos acesso. Desapegar e libertar um livro, é acender, atiçar a curiosidade de uma viagem sem volta para o nosso conhecimento.


Nesta 10º edição teremos de novo um local e data para libertar um livro, vamos inaugurar o novo "Espaço Viver Jubiart" dia 18 de abril, e celebrar a 10ª edição do Bookcrossing Blogueiro.


Acesse informações também a aqui  http://luzdeluma.blogspot.com.br/
A Luma Rosa é a luz deste grande movimento,  e participar deste, sempre é uma oportunidade  de compartilhar de algo que você leu e gostou. Vamos? Entre nesta corrente literária movimentada e libertária!


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Template customizado por Meri Pellens.Tecnologia do Blogger.
Voltar ao topo