20 de setembro de 2013

O que é ser uma blogueira profissional? * Atualizado


Mãe blogueira;
Mulherzinha blogueira;
Educadora blogueira;
Artesã blogueira;
Artista plástica blogueira;
Empresária (chic rs) blogueira;
Voluntária blogueira;
Amiga e "pitaqueira" blogueira;
E podemos ser muito mais em uma só.

Tenho duas certezas que com o tempo podem mudar: Sou blogueira e não sou blogueira profissional, o "profissional" me soa limpo, séptico, sei, é doideira! Mas sinto assim. Ao que parece os blogs surgiram não com intento de serem profissionais, parece com Facebook, vem de uma idéia que vai tomando forma, agregando "valores", cresce e se olha para trás e se espanta com o presente tão massificado com números espetaculares em vários sentidos...

Início de 2014 fará quatro anos de existência da  www.jubiart.com.br, comecei com empurrão de um amigo, empurrão sim! Não sabia nem o que era linkar e até hoje me enrolo em muitas coisas, a sorte e ter algumas amigas que sempre dão um toque de luz no meu caminho virtual. Nestes poucos anos já vi muita coisas: Artesãs que blogam, fazem um big sucesso e de repente somem, umas bate com a porta na nossa cara, outras com mais respeito explicam a saída ou a sumida, brigas, baixarias, os famosos anônimos, que fizeram muitos blogueiros ativar os moderadores de comentário, não o coloquei, acho que perco a autenticidade, soa meio que censura, e adoro ver  logo o meu comentário assim que posto e acho que a maioria também (essa é uma opinião particular, não se ofenda).  Também não vendo espaço para propaganda (também não sou POP rsrsrs) divulgo iniciativas de amigos, indico as coisas que gosto e claro o meu negócio, já classificaram o meu blog como blog de variedades, até faz sentidos, abordo vários temas, mas todos são ligados por algo comum:  É um mix de pessoal com o meu trabalho,  um estilo de vida que reflete diretamente no que produzo e realizo, não consigo separar. Hoje procuro soluções e integrações na rede para divulgar e vender  produtos meus e de parceiros artesãos, sem perder o meu estilo, acho o e-commerce muito frio. Acredito que no futuro as pessoas vão querer algo mais que um bom atendimento, bom, preço e bom produto...

Meu blog não "bomba", mas também não é um reprodutor de imagens e textos, acho que no meio de toda essa ânsia de ter um "lugar ao sol", a essência de ser blogueira perde-se muito como diz a Célia do http://blogdodesabafodemae.blogspot.com.br/2013/09/o-que-e-ser-uma-mae-blogueira.html, onde a discussão do tema iniciou "Ás vezes não temos links para nos identificar..."
A discussão segue  na http://luzdeluma.blogspot.com.br/2013/09/blogueira-profissional.html#comment-form e vem parar na Raquel http://www.superlinda.com/2013/09/blogueira-profissional.html

Hoje a Bia ser Blogueira (isto, com B grandalhão), é ter vivenciado experiências através da net, estar aprendendo sempre, ter um registro de quase quatro anos que as vezes funciona como um mega portfólio das minhas peripécias reais e virtuais, isto tem dado respaldo, respeito e valorização no meu labor e no meu trabalho.

Vivendo e aprendendo: Sou uma ProBlogueira, gostei do nome não soa tão séptico rsrsrssr.
Veja na  Luma Rosa 50 dicas para blogueiros iniciantes (simples, direto, muito bom!).


14 comentários:

  1. Linda tua participação e tu és uma boa, muito boa blogueira. És atenta, carinhosa, posts planejados, lindos, mostrando tuas coisas.Adoro! beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. Eu li o texto da Luma e ele me fez pensar, mas acho que só agora lendo seu texto me deu o estalo Bia... Acho que para mim o x da questão dos blogueiros profissionais é que a intimidade se perde... Não gosto de blogueiros profissionais por que gosto de intimidade, gosto de falar com pessoas, de sentir algo da essência delas e acho que isso se perde nos problogs.

    Gosto do Jubiart porque é assim, meio intimo, pessoal, como você disse um portfolio de experiencias... é agradável está aqui... E sim, vc me fez penar pela primeira vez em um grande espaço de tempo em deixar de moderar os comentários... mas sabe o que é... eu sou ciumenta com as coisas e pessoas que amo e com aquilo que elas compartilham comigo e talvez por isso gosto de saber que sou a primeira pessoa que vai ler os comentários do blog rsrsrs...

    ResponderExcluir
  3. Olá Bia.
    Também li o texto da Luma e achei muito interessante. E prefiro ser amadora, falar e mostrar apenas coisas que gosto acho interessantes sem depender de estatísticas e do que dá visitas... Ainda mais agora que o meu tempo anda mais curto e não consigo visitar toda a gente como gostaria e posso não conseguir postar diariamente. Gosto do seu blog e da sua forma de partilhar também o que gosta e sente. Continue.
    beijinhos grandes.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Bia!!
    Você é uma ProBlogueira, mesmo que não ache isso. Não importa se não sabe lidar com os códigos da plataforma e SEO. Você não vende espaço porque já tem o seu próprio produto a ser vendido. Seu blogue é uma vitrine e você mistura muito bem os assuntos para não cair no "frio" que a Pandora se referiu. Mesmo que não queira, instintivamente você trabalha no blogue como muitas ProBlogueiras estrangeiras.
    Os blogueiros que fazem publieditorias e não são publicitários estão sendo oportunistas? São esses que se auto intitulam "Blogueiros Profissionais", mas não são blogueiros, eles são vendedores e querem também vender a imagem de "Blogueiros Profissionais". Blogar é expor ideias e ter opinião. Não importa como faça isso. Os mais interessandos pela escrita, se tornam ProBlogueiros voluntária ou involuntáriamente; pois muitos querem divulgar ou publicar livros, escrever para mídia ou em outros blogues.
    Cada um vende o "seu peixe" ou habilidade de forma natural, pois isso já está agregado à sua vida, como no caso da Pandora que gosta de ler e discutir a leitura que fez - Para provocar isso, ela faz resenha dos livros que lê. Se ela gosta tanto e for patrocinada por editoras, touché! Ela se tornou uma ProBlogueira.
    Você deve ter percebido pelo meu texto que não gosto do termo "Blogueira Profissional", assim como acho feio qualquer um que se intitula profissional, isso quem vai dizer é o público ou dentro de uma hierarquia, seu superior. Como aqui na blogosfera não temos "chefe", quem manda é o público.
    Eu chamei o Jens, que é um jornalista "profissional" para discutirmos essa nomenclatura e valeram muitas risadas. Essa pretensão blogueira de se auto intitular profissional, vem daquele que está "fresco" e que ainda não caiu na real! :)
    Depois lê o comentário da Anne Lieri no post. Ela também é "profissional"!
    Blogar é como se estivéssemos conversando na nossa casa e eu não levo trabalho para casa! :)
    Obrigada por responder! Adorei!!
    Beijus,

    ResponderExcluir
  5. Adorei o tema da postagem, Bia. Li o texto da Luma, também.
    Constatei que realmente, eu nunca serei uma blogueira profissional rs
    Primeiro porque não vendo nada, e depois porquê não pretendo abrir mão de mais tempo para tal.
    Meu blog surgiu para ocupar um período da minha vida muito difícil. Vivia em longos períodos de depressão, e emu marido teve a ideia de criá-lo. Por isso encaro como terapia. Já aprendi muito através do blog, e fiz amizades que considero verdadeiras(poucas). Evito me meter em polêmicas, justamente para não cair na armadilhas e acabar retrocedendo ao estado em que me encontrava antes do blog.

    Acho que há vários estilos de blogueiras, e acabamos por seguir e ler as que mais se identificam com o tema do nosso blog.

    Teu blog espelha quem tu és: inteligente, criativa, escrupulosa, mostrando teu trabalho lindo, e sendo reconhecida por ele. Tudo muito justo, a meu ver.

    Ah, e como disse a Luma, aí no comentário anterior, 'como aqui na blogosfera não temos chefe' (super bem colocado), fico possessa com algumas blogueiras que tentam subverter a opinião de outras e se mobilizam em torno de questões simples, transformando estas num cabo de guerra, criando vespeiros(baixarias), ridículo. E também odeio blogueiras estrelas.

    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Lia!
      Me intrometendo no seu comentário... como assim, nunca será uma ProBlogueira? Você não vende produtos, mas vende aquilo que é próprio e essencial a um blogueiro: Você vende ideias e opiniões. :)

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  6. Concordo com vc Luma!

    Meninas, grata pela participação!

    Bjo e bom sábado!

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Eu adoro vir aqui!
    Lembra qdo nos conhecemos? O Alexandre Mauj (o lindo misturado), colocou um link meu no blog dele e daí conheci várias blogueiras. Umas ficaram, outras não, mas acho normal. Cada uma tem um interesse do que quer ler. Em muitos lugares que fui também não fiquei.
    Agora, qdo vim aqui e senti seu abraço e esse sorrisão de orelha a orelha... ah, o encanto foi imediato!
    Naquela época também não entendia nada de blog e com o tempo e com a ajuda de muitas com suas preciosas dicas (Elaine Gaspareto), fui dando forma e estilo ao meu. E o seu, sempre verde e sempre sempre com um sorrisão e braços abertos a nos receber na porta da Jubiart!
    Penso como vc, em tudo que disse, mas são apenas gostos particulares, sem querer criticar e nem julgar ninguém. O espaço é de quem tem e recebe as visitas como deseja.
    São as afinidades virtuais que vamos abraçando, sempre!

    Bia, linda Bia, um excelente domingo!
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Bia
    Adoro você. És uma blogueira batalhadora e carismática. Sou um pouco lerda para visitar os blogues que amo, mas sempre atenta aos seus lindos pitacos. (esta palavra aprendi com você)
    Um texto encantador. Como mãe, educadora , empresária e todos os adjetivos que você administra muito bem, desejo toda felicidade do mundo e muito e muito sucesso.

    Lindos dias de luz
    beijos.

    ResponderExcluir

Amo a participação de vocês! Através dos comentários, troca de experiências, informações, alertas, "puxadas de orelhas". Tudo é uma eterna aprendizagem... Grata.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Template customizado por Meri Pellens.Tecnologia do Blogger.
Voltar ao topo