13 de fevereiro de 2012

8 comidas venenosas que você adora comer!


Não é a pimenta! Rsrs, gosto muitooooo de pimenta! Grande novidade né? Estas foram as últimas conservas que produzi para consumir e presentear amigos... Aproveitando reutilizando os vidros e registrando aqui.

Super em falta com a  Dieta Coletiva (os posts). Voltando com as narrativas de meu cotidiano culinarístico e as coisas que fazem euzinha me sentir bem e feliz! 

Recebi da amiga Soraya um e-mail com este artigo "8 Comidas...", que achei pertinente compartilhar, ela também é fã do site www.alexandrepimentel.com.br/ a abordagem sobre nutrição e saúde são excelentes! 


8 comidas venenosas que você adora comer
____________________________________
Carolina Vilaverde, da SUPERINTERESSANTE
Que existem cogumelos venenosos não é segredo para ninguém. Mas você provavelmente nem imagina que pode estar comendo alimentos tóxicos até mesmo em uma salada inocente. Nesta lista que a SUPER preparou, você encontra oito alimentos que todo mundo come, mas que podem até matar. Mas não precisa entrar em pânico! A maioria só faz mal se for preparada de um jeito errado ou ingerida em quantidades absurdas.
8. Cogumelo - Você já sabe que alguns tipos de cogumelo “dão barato” e que podem até alterar a sua personalidade. Por outro lado, tem também os cogumelos inofensivos e que podem ser ingeridos sem problemas, como o shiitake. O perigo está justamente na hora de diferenciar os cogumelos comestíveis dos venenosos. Apesar de existirem maneiras de identificar se um cogumelo é venenoso ou não, elas não são infalíveis e todos os cogumelos de origem desconhecida são, portanto, perigosos.
7. Noz moscada - Existem dois casos documentados de morte por noz moscada: um em 1908 e outro em 2001. Mas calma, é preciso ingerir uma noz moscada inteirinha para que a substância alucinógena que ela contém possa te matar. Infelizmente, quantidades menores da especiaria também causam efeitos colaterais perigosos. A ingestão de 10 gramas leva a alucinações e apenas 2 gramas da noz moscada causam uma sensação parecida com a de consumo de anfetaminas, levando a náusea, febre e dores de cabeça.
6. Amêndoas - As amêndoas amargas, apesar de muito populares por seu sabor, possuem um componente nada saudável: elas são cheias de cianeto (chamado antigamente de cianureto). Isso mesmo, aquela substância letal usada pelos assassinos em romances da Agatha Christie. Mas não é preciso criar pânico! Antes de serem liberadas para consumo, elas são obrigatoriamente processadas para remover o veneno. Alguns países, como a Nova Zelândia, preferem não arriscar e tornam ilegal a venda das amêndoas amargas.
5. Cereja - As cerejas são frutinhas populares, principalmente na cobertura de bolos de aniversário (elas costumam ser disputadas). Porém, o que pouca gente sabe é que, quando as sementes das cerejas são esmagadas ou mastigadas, elas produzem cianeto de hidrogênio, a mesma substância tóxica e letal das amêndoas amargas. Pensando nisso, ainda bem que nem sempre o que vem no bolo é cereja de verdade!
4. Mandioca - A mandioca é a terceira fonte mais importante de calorias nos países tropicais, por isso é de assustar que ela contenha substâncias tóxicas. Suas raízes e folhas, quando mal processadas, liberam o já citado cianeto de hidrogênio. Para evitar que isso aconteça, a mandioca precisa ser preparada com cuidado e existem diferentes maneiras de retirar o veneno: desde cozinhar a fermentar a mandioca. Sem o devido preparo, ela pode causar intoxicação aguda, o que leva a vertigem, vômitos e, em alguns casos, à morte dentro de uma ou duas horas.
3. Maçã - Assim como as amêndoas e as cerejas, as sementes da maçã também contém cianeto, mas em quantidades muito menores. Por isso, mesmo que você consuma sem querer uma semente dessas, não precisa sair correndo para o hospital. É preciso mastigar e ingerir um número bem alto de sementes de maçã para ficar doente. Mesmo assim, pode acontecer. E você com medo de comer aquela maçã que, depois de cortada, escurece…
2. Tomate - Lembra quando você descobriu que tomate era uma fruta? Está na hora de mais uma lição. Os caules e folhas do tomate contêm glicoalcalóides, que pode causar extremo nervosismo e transtornos gastrointestinais. Essas partes não são usadas na salada, mas são muito úteis para realçar o sabor na hora de cozinhar. Se forem removidos antes do consumo, não há chance de o veneno escapar em quantidade suficiente para causar qualquer problema.
1. Batata - A batata comum, assim como os tomates, contém quantidades consideráveis de glicoalcalóides nas suas folhas. Essa substância tóxica causa fraqueza, confusão e pode levar ao coma e à morte. Mas, tudo bem, ninguém come essa parte das batatas mesmo. O problema é que esse veneno pode estar presente também na própria batata. Mas há uma maneira fácil de identificar se ela pode ser consumida: altas concentrações do veneno glicoalcalóide mudam a coloração da batata para verde.


Saber mais sobre a coletiva venha aqui dietacoletiva.blogspot.com/ , as super comentaristas estão de férias retornando agora em fevereiro, porém  blog está cheio de artigos que só faz bem a saúde! Uma semana saudável para você!


28 comentários:

  1. Adorei saber dessas curiosidades que a gente jamais imaginaria... Dá até um medidinho de comer batata, tomate, e agora só dou maçã para meus filhos devidamente cortada ao meio para tirar os caroços, rsrsrsrs!

    Bjukinha e tenha uma ótima semana =]

    ResponderExcluir
  2. Muito esclarecedor teu post. Legal!Valeu,Bia! beijos,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  3. Bia eu amo pimentas e tudo o que vc listou como venenoso.....mas vamos combinar até chá de camomila em exagero faz mal....rsrs

    Adorei sua "artes" culinaristicas com as pimentas.

    Tenha uma ótima semana.
    Muita Luz e Paz!
    Abraços

    ResponderExcluir
  4. Es bueno aprender algo nuevo todos los días!!!
    Tengo un premio para ti en mi blog!!!
    Espero te guste!
    Buen comienzo de semana!!!

    Besos, desde España, Marcela♥

    ResponderExcluir
  5. Que interessante. Bom saber um pouco mais sobre o que consumimos e os cuidados que devemos ter.
    Bjs♥

    ResponderExcluir
  6. Bom dia Bia querida, obrigada pelo comentário carinhoso, flor, que pena que vc não conseguiu ver as imagens, volta lá depois da chuva passar,hehe, muita chuvarada por aí, ainda? Amei o artigo, muiiito interessante, fiquei pasma com tanto veneno que eu não sabia que continha essas delícias, mas conhecendo podemos nos preservar, muito obrigada por divulgar. bjos, flor, semana linda prá ti.

    ResponderExcluir
  7. Gostei e muito do seu blog e aprendi coisas novas com voce....obrigada!

    Beijo

    ResponderExcluir
  8. Gostei bastante das dicas :D. Não sabia a questão da batata!

    ResponderExcluir
  9. humm, esse vidro de pimenta me deu água na boca!!
    =D
    Gostei dessa listinha dos alimentos, tem várias informações
    que eu nao conhecia
    beijocas!
    http://blog.anapetala.com.br
    Você já conhece minha loja virtual? http://blog.anapetala.com.br/bloganapetala/?page_id=5
    para realizar parcerias é só me mandar um email: contato@anapetala.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oi Bia,
    Gostei das possibilidades alucinógenas do cogumelo e da noz moscada!
    :)))
    Como dizem os médicos, tudo faz mal, depende da quantidade, pois até água faz mal, pois demais pode afogar.
    :)))
    Beijos 1000 e uma ótima semana para vc.

    www.gosto-disto.com

    ResponderExcluir
  11. Oi Bia
    Obrigada pelas dicas

    bjus
    Paula Kasas

    ResponderExcluir
  12. Bia, já estava com saudades de vc e do seu jeitinho no blog! Menina do céu, que venenos são esses??? ótima postagem para nos alertar, mas o que cobicei mesmos foram os maravilhosos vidros de pimenta. Lindos! grande abraço!

    ResponderExcluir
  13. Fiquei pasma! Não sabia dessas coisas. Adorei saber. Sabia que nunca comi noz moscada! Acho tão chiquetoso o povo falando que ralou noz moscada em alguma receita! Nem sabia que é alucinogena! Olha só, Bia também é cultura!
    Beijos
    Adriana

    ResponderExcluir
  14. Boa tarde amiga,
    Venho lhe desejar um lindo fim de semana coberta de muita paz e amor!
    Sua presença é muito importante em meu cantinho, por esta razão veio lhe agradecer o seu carinho de sua amável visita sempre.
    Assim que poder acesse o link
    http://www.mariaalicecerqueira.com/2012/01/degustacao-do-livro-vida-nossa-de-cada.html
    e leia a degustação do meu próximo livro! Vida nossa de cada dia!
    Obrigada de todo o coração!
    Abraço amigo
    Maria Alice

    ResponderExcluir
  15. Oi, Bia! Fiquei espantada com sua lista e triste por causa das cerejas. Adoro cerejas, escolho o pedaço de bolo que contém uma...Será que vou sobreviver? hahaha, Um abraço!

    ResponderExcluir
  16. Olá Bia

    Adorei saber, alguns detalhes que desconhecia.
    Apesar do atraso, Kinho e Eu, agradecemos seu carinho lá no blog, obrigada.

    BJ000000000................
    www.amigadamoda1.com

    ResponderExcluir
  17. Oi Bia
    Desconhecia sobre esses perigos.
    Obrigada pelos alertas.

    Beijussss

    ResponderExcluir
  18. oi Bia, onde vc conseguiu todas essas informacoes? achei bem assustadoras, principalmente se tratando de coisas do nosso quotidiano.

    PS - morei 6 anos na Nova Zelandia e nem percebi que nao havia amendoa amarga...kkk

    ResponderExcluir
  19. Oi Bia, tudo bem??? Tô chocadaaa com esses itens venenosos!! E esta noz moscada que adorooo? hehe. Foi muito bom saber e obrigada por compartilhar.
    Beijos :o)

    ResponderExcluir
  20. Nossa, nossa, nossa... Só não como cogumelo alucinógeno, de resto, estou correndo um sério risco, até porque como até as sementes das frutas! Ah, também não como mandioca "brava", essa não serve para comer in natura, serve somente para fazer o polvilho. Daqui pra frente não brigo mais por causa da cereja! Credo, Bia!!!

    ResponderExcluir
  21. Ôi! Passando pra convidar! Tem post novo e presente muito especial! Vem! Cada coração amigo conquistado, é mais uma luzinha a iluminar a nossa estrada! Uma terça-feira radiante e abençoada! Abraço fraterno e afetuoso! Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com/
    http://www.dihitt.com.br/elaineaverbuch
    http://twitter.com/@elaineaverbuch

    ResponderExcluir
  22. Maçã, tomate, batata..... como assim?

    Mas a quantidade que a gente come, nem faz diferença assim, ufa!!!
    O importante disso tudo é a moderação. Nem mais, nem menos. Se fôssemos nos importar com tantas coisas que falam por aí, morreríamos na primeira mordida de cada coisa.
    É interessante saber, mas sem paranóia de ter que comer só o que isento de tudo de ruim...
    Daí vc vai atravessar a rua e morre atropelado.
    Viver bem, viver feliz, sem exageros de nada!!!! Isso sim é bom!!!

    Ótima semana pra vc! Sua linda!!!!

    ResponderExcluir
  23. Estou passada com tuas informações,ótimo post.Bjo e ótima semana.

    ResponderExcluir
  24. Olá Bia

    Estas conservas que vc produziu além de, com certeza saborosas, são lindas e decorativas.
    Uma ótima 3º feira à vc...

    BJ000000000................
    www.amigadamoda1.com

    ResponderExcluir
  25. Minha nossa, nunca ouvi falar nada disso, fiquei bege!
    Acho que nunca mais vou comer amêndoas, e eu adoro frutinhas secas. hehe
    beijos cariocas

    ResponderExcluir
  26. Bia, sobre a mandioca, na cidade que eu nasci, existe um tipo de mandioca "braba" e ela não é comestível. Bjos.

    ResponderExcluir
  27. Que interessante, desconhecia tudo isso :)

    ResponderExcluir
  28. Eita... É tudo o que gosto de comer! Tô perdida! Agora está explicado o porquê d'eu abstrair tanto! rs rs rs Beijos, Paula

    ResponderExcluir

Amo a participação de vocês! Através dos comentários, troca de experiências, informações, alertas, "puxadas de orelhas". Tudo é uma eterna aprendizagem... Grata.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Template customizado por Meri Pellens.Tecnologia do Blogger.
Voltar ao topo