30 de maio de 2011

Eu Sou Muito Mais Que Um fruto, Sou Sabor Marajoara...


"Põe tapioca, põe farinha d'água, põe açúcar não põe nada, tu me bebes como suco, eu sou muito mais que um fruto sou sabor Marajoara, sou sabor Marajoara..."
Nilson Chaves - Cantor compositor paraense.

Além do sabor marajoara, o fruto açaí é uma semente/pérola como matéria prima na criação de biojóias. Aqui colar comprido, correntes com banho envelhecido e sementes de açaí tingidas.

Colar de açaí meio lixado natural (fiz um charme com xale de filé para celebrar a chegada do inverno para a maioria das minha amigas (os), aqui no Norte o calorão chegou!),


tamanho médio.


Colar monocromático, curto.

Valor de cada peça: R$ 25,00 (Consultar frete). Uma semana iluminada para nós! Colar colorido VENDIDO!

28 de maio de 2011

Esmalte BC - Batom, Onde Está?



Explico: Uso batons mateiga de cacau ou cupuaçu, sem cor só para hidratar, tenho uma bocona roxa típica de cabocla (me orgulho dela), juro que tentei, fui até numa lojinha do Boticário, mas nenhuma cor me apeteceu... Esmalte Ana Hickmann Blue ...... (esqueci o resto do nome, rs.)

Aqui hoje a convite da mestra Fernanda Reali que comanda essa folia da beleza da mulher blogueira, com esmalte, batom, caras e bocas, acompanhadas de big produções! Vamos lá?

Um fim de semana especial para vocês!

27 de maio de 2011

Jubiart Em Manaus -AM



Algumas peças da Jubiart chegando hoje em Manaus - AM, para se juntar a outros trabalhos artesanais no "Encontro da Educação de Jovens e Adultos".


Várias mandalas de babaçu fatiado,


com pedras topázio imperial, turmalina melancia, ametista e cristal de rocha.







Mandala com capim dourado, frente e



verso.




Todas com fio encerado de algodão e fecho regulável e com sementes na ponta. (farei mais... E postarei ainda este mês para venda).


Houve um tempo em que colecionava rochas (pedras, como queira), amigos e o ex-namorado que virou maridão sempre me presenteavam com rochas. Esta pedra que serviu de fundo para a produção das minha fotos, foi encontrada no fundo do rio Catalão em Goiás, acredito que seja uma árvore fossilizada, aqui no cafofo o especialista sobre, é o maridão, euzinha só amadora.

25 de maio de 2011

NOTA DE MORTE ANUNCIADA


Hoje sem imagem, só imagem de um relato de uma dor, uma ferida aberta neste país... Não são celebridades, são pessoas querendo viver com dignidade. Lamento e choro com o meu povo...

Repasso aqui um e-mail recebido pelo meu amigo Flávio Moreira, como um protesto de dor e indignação!

NOTA DE MORTE ANUNCIADA

A história se repete!

Novamente, choramos e revoltamo-nos:

Direitos Humanos e Justiça são para quem neste país?

Hoje, 24 de maio de 2011, foram assassinados nossos companheiros, José Cláudio Ribeiro da Silva e Maria do Espírito Santo da Silva, assentados no Projeto Agroextrativista Praialta-Piranheira, em Nova Ipixuna – PA. Os dois foram emboscados no meio da estrada por pistoleiros, executados com tiros na cabeça, tendo Zé Claúdio a orelha decepada e levada pelos seus assassinos provavelmente como prova do “serviço realizado”.

Camponeses e líderes dos assentados do Projeto Agroextratista, Zé Cláudio e Maria do Espírito Santo (estudante do Curso de Pedagogia do Campo UFPA/FETAGRI/PRONERA), foram o exemplo daquilo que defendiam como projeto coletivo de vida digna e integrada à biodiversidade presente na floresta. Integrantes do Conselho Nacional das Populações Extrativistas (CNS), ONG fundada por Chico Mendes, os dois viviam e produziam de forma sustentável no lote de aproximadamente 20 hectares, onde 80% era de floresta preservada. Com a floresta se relacionavam e sobreviviam do extrativismo de óleos, castanhas e frutos de plantas nativas, como cupuaçu e açaí. No projeto de assentamento vive aproximadamente 500 famílias.

A denúncia das ameaças de morte de que eram alvo há anos alcançaram o Estado Brasileiro e a sociedade internacional. Elas apontavam seus algozes: madeireiros e carvoeiros, predadores da natureza na Amazônia. Nem por isso, houve proteção de suas vidas e da floresta, razão das lutas de José Cláudio e Maria contra a ação criminosa de exploradores capitalistas na reserva agroextrativista.

Tamanha nossa tristeza! Desmedida nossa revolta! A história se repete! Novamente camponeses que defendem a vida e a construção de uma sociedade mais humana e digna são assassinados covardemente a mando daqueles a quem só importa o lucro: MADEREIROS e FAZENDEIROS QUE DEVASTAM A AMAZÔNIA.

ATÉ QUANDO?

Não bastasse a ameaça ser um martírio a torturar aos poucos mentes e corações revolucionários, ainda temos de presenciar sua concretude brutal?

Não bastasse tanto sangue escorrendo pelas mãos de todos que não se incomodam com a situação que vivemos, ainda precisamos ouvir as autoridades tratando como se o aqui fosse distante?

Não bastasse que nossos homens e mulheres de fibra fossem vistos com restrição, ainda continuaremos abrindo nossas portas para que os corruptos sejam nossos lideres?

Não bastasse tanta dificuldade de fazer acontecer outro projeto de sociedade, ainda assim temos que conviver com a desconfiança de que ele não existe?

Não bastasse que a natureza fosse transformada em recurso, a vida tinha também que ser reduzida a um valor tão ínfimo?

Não bastasse a morte orbitar nosso cotidiano como uma banalidade, ainda temos que conviver com a barbárie?

Mediante a recorrente impunidade nos casos de assassinatos das lideranças camponesas e a não investigação e punição dos crimes praticados pelos grupos econômicos que devastam a Amazônia, RESPONSABILIZAMOS O ESTADO BRASILEIRO – Presidência da República, Ministério do Desenvolvimento Agrário, Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária, Instituto Brasileiro de Meio Ambiente, Polícia Federal, Ministério Público Federal – E COBRAMOS JUSTIÇA!

ESTAMOS EM VÍGILIA!!!

“Aos nossos mortos nenhum minuto de silêncio. Mas toda uma vida de lutas.”

Marabá-PA, 24 de Maio de 2011.

Universidade Federal do Pará/ Coordenação do Campus de Marabá; Curso de Pedagogia do Campo UFPA/FETAGRI/PRONERA; Curso de Licenciatura Plena em Educação do Campo;

Movimento dos Trabalhadores Sem Terra – MST/ Pará;

Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras na Agricultura – FETAGRI/Sudeste do Pará;

Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras da Agricultura Familiar – FETRAF/ Pará;

Movimento dos Atingidos por Barragens – MAB;

Comissão Pastoral da Terra – CPT Marabá;

Via Campesina – Pará;

Fórum Regional de Educação do Campo do Sul e Sudeste do Pará.





24 de maio de 2011

Reluz! É Ouro?

Não! É o capim dourado!
Estava devendo falar mais um pouco sobre este trabalho também característico do nosso Estado do Tocantins.



O Capim Dourado originou-se na região sudeste do Tocantins em Mumbuca um povoado que fica a 32 Km da cidade de Mateiros, localizada a 399 Km da Capital Palmas. Mumbuca abriga uma população de ex-escravos remanescentes de quilombos.



O Capim Dourado é uma planta exclusiva do Tocantins sendo mais comum na região do Jalapão. O capim nunca foi plantado, mas pesquisadores do Ceulp/Ulbra tem estudado sua germinação. Pouco se sabe acerca do nascimento da planta, ela cresce entre os meses de abril a julho e a colheita é entre os meses de agosto a setembro. Há 50 anos o capim que até então não era aproveitado tornou-se objeto de confecção do artesanato local, não para venda e sim para uso próprio.



O capim dourado é uma espécie de capim (Singhnantus sp) que existe somente na região doJalapão, localizado no estado do Tocantins, com a palha do qual se faz artesanatos, tais como: pulseiras, brincos, chaveiros, bolsas, cintos, vasos, peças de decoração entre outros. (Wikipedia).



Para criação: O Céu é o limite! Olhe o nosso babaçu fatiado no centro da bolsa.


As sementes fazem uma boa parceria com o capim dourado.


A semente de açaí deu um mix legal neste trabalho!


Ícone precursora do artesanato tocantinense e pioneira no desenvolvimento do capim dourado na região do Jalapão, Guilhermina Ribeiro da Silva, conhecida como a Dona Miúda. Faleceu ano passado aos 82 anos, grande perda para nossa cultura Tocantinense.


A colheita do capim dourado regulamenta pela portaria do Naturatins nº. 362, de maio de 2007, adota medidas de ordenamento à coleta e ao manejo do capim dourado. A coleta da planta fica estipulada entre 20 de setembro a 30 de novembro somente para associados que tenha carterinha expedidos pelo órgão ambiental.



Capim dourado, na mídia,
Capim dourado no mundo...

(maioria das imagens são do Google)

22 de maio de 2011

Relaxar... *Atualizado*

Até a corujinha saí da toca para apreciar o domingo ensolarado (é sábia). Aqui , vento em forma de uma brisa relaxante batendo os sinos espalhando os sons pelos pés de mangueiras adentrando a nossa casa... Leve um pouco desta brisa para você! Um bom domingo!

Segundona chegou, e com ela horários, compromissos, Até a brisa de ontem sumiu! Tomara que volte logo. A todos um dia produtivo e feliz!!!

"Domingo leve", segunda-feira "pesada"...
Imagem do Google.

20 de maio de 2011

Quantas Deusas Há Em Você? *Atualizado*


Não quero fazer nenhuma resenha, resumo etc. Quero dar simplesmente as minhas impressões sobre a obra "Na Esquina do Tempo, Nº 50", da sensível escritora Glória Leão (Seqüestrei as imagens do seu http://cafecomglorinha.blogspot.com/) Vá lá! E tome um café aromático com a amiga Glorinha ...
Como o livro veio parar na beira do rio Tocantins?

[hum+026.jpg]

OI! Sou a NILCE!

A culpada é esta moça aqui! A vida de uma guerreira , com este sorriso aberto que dá para ver até sua alma bondosa. Ela foi no primeiro lançamento no Rio de Janeiro, pegou o autógrafo da nossa amiga escritora me enviou o livro pelos correios. Fez esta gentileza para vários amigos que não poderam estar presente no lançamento do mesmo.


Na Esquina do... Em alguns momentos da leitura interagi com as palavras da Glorinha, sorri, fiquei triste, refleti, sonhei, me deliciei, e fico a pensar que estou chegando nesta esquina e já tive vários encontros com algumas Deusas, outras podem chegar ou simplesmente passar como uma brisa em início de verão aqui na beira do rio Tocantins...

Alguns trechos:

"A maturidade trouxe-lhe não só consciência política e cidadania, mas também a certeza de que a humanidade e a natureza eram também um pouco ela."

"O cheiro do papel, sua textura, a gramatura das folhas, tudo isso lhe dava um prazer indizível"

"Elara era artista plástica. Vivia num mundo só seu. Sua Arte sua família eram seu universo. O resto era o resto."


Encerrei a leitura ontem final da tarde, e cheguei a conclusão que escritores são como estrelas, brilham para sempre num universo infinito... E cada leitor vê uma luz diferente.

Atualizando


Apesar da pergunta ser para as meninas... O comentário do amigo Alexandre me fez atentar que o livro é uma leitura obrigatória para os homens que desejam conhecer melhor as Deusas da sua vida.



Alexandre Mauj Imamura Gonzalez comentou:





antes de tudo, que lindo q ficou a foto do livro aberto com essa estrela do mar. eu tb recebi

o livro pela Nilce, li e reli... gostei muito!

18 de maio de 2011

A Natureza Nas Biojóias...


É um conceito inovador ainda em transformação, as biojóias estão ligadas a tudo que é natural e tem uma função estética de adornar o indivíduo, se transformando em um estilo único, com agregação de valores culturais. Aos poucos está se construindo um design com preocupação com o negócio VERDE, focando no extrativismo de comunidades ribeirinhas, povos da floresta, e associações, através de coletas de sementes maduras sem impactar a natureza. Este movimento ecologicamente correto não se restringe as biojóias, mas a todo um movimento preocupado com o meio ambiente.



Colar/gargantilha com semente de açaí, disco de coco, e ponta do coco babaçu. Valor: R$ 28,00 (Consultar frete) VENDIDO!


Fecho com disco de coco.

.
Brincos com semente de açaí. Valor: R$ 10,00 (consultar frete) VENDIDO!

Brincos com sementes naturais de murici. Valor: R$ 15,00 (Consultar Frete). VENDIDO!

Curiosidade: Nem no Wikipedia existe um conceito formado para palavra"BIOJÓIAS".

16 de maio de 2011

Dieta Coletiva (Já me perdi na quantidade de semanas)


Vida saudável? Nos preocupamos muito com a saúde do corpo, bons hábitos alimentares, boa forma física etc. E como fica a mente, e o espírito?

Nesta postagem da coletiva vou deixar essa reflexão em aberta e um texto que foi escrito pelo Dr. José Alexandre Portinho em 2005 que continua valendo muito para os dias atuais:


Para algumas pessoas, vida saudável é simplesmente evitar doenças. Na verdade o conceito é muito mais amplo, vai muito além. Hoje já sabemos que vários fatores influenciam a saúde, como: o relacionamento no meio familiar e no trabalho, o local em que se vive, o estado emocional e até mesmo o estado espiritual da pessoal. Se tudo isso não estiver harmônico, o indivíduo fica doente com mais facilidade. Portanto, para uma vida saudável é necessário encontrar um ponto de equilíbrio e, esse ponto é obtido com os valores do bem-estar físico, mental, social e espiritual.ÿ
Bem-estar significa a pessoa estar bem consigo mesma. Essa sensação depende de muitos fatores. A predisposição genética de cada pessoa é um desses fatores, além do ambiente em que se vive, dos cuidados que se tem com a saúde e da disposição psicológica para enfrentar a vida.
Para que a pessoa possa ter um bem-estar físico, é necessário aprender como prevenir doenças, quais os hábitos saudáveis que devem ser praticados, ter um sono adequado e disposição para exercícios físicos. ? importante aprender a preparar o básico de pratos nutritivos com alimentos saudáveis e os hábitos e horários corretos da boa alimentação e não menos importante, a boa mastigação e a etiqueta.ÿ
O bem-estar mental pode ser obtido pelo equilíbrio emocional e o bom convívio familiar. O estresse, a depressão, o nervosismo e principalmente a ira, bloqueiam o sistema imunológico, diminuindo a defesa contra doenças. O lazer é parte fundamental no processo do bem-estar mental.ÿ
O bem-estar social é alcançado com moradia adequada, acesso a tratamento de saúde, senso de segurança pessoal, condições de trabalho e renda satisfatórios.ÿ
Algumas pessoas obtêm o bem-estar espiritual através da oração e prática de uma religião. Outras pessoas alcançam a espiritualidade quando estão em contato mais próximo com a natureza ou praticando a meditação. Cada pessoa tem uma maneira própria de exercer sua espiritualidade. O importante é ter paz interior, para que dessa forma, as decisões para um direcionamento da vida serem tomadas de forma mais clara e sensata. Nessa oportunidade do bem-estar espiritual, a pessoa passa a ter um raciocínio para proporcionar o bem-estar coletivo, começando por abranger as pessoas mais próximas de seu relacionamento.ÿ
Muitas pessoas não sabem, mas a plenitude da vida saudável só é alcançada através de decisões pessoais, ou seja, é necessário querer, buscar e se empenhar para conseguir a boa saúde. Alcançar a vida saudável pode ser uma tarefa simples desde que se tenha o desejo, se faça um planejamento, direcionando as prioridades e mudança de hábitos.ÿ
A mudança para uma vida saudável não é urgente, mas é prioritário. A prática da vida saudável irá pavimentar o crescimento e aperfeiçoamento individual em busca da felicidade.

Quer ler artigos, textos super saudáveis vá na http://dietacoletiva.blogspot.com/
Uma semana iluminada para todos!!!

15 de maio de 2011

Já Ouviram Falar em "Juntamento de Escovas"?


Hoje celebrando sete aninhos de "juntamento de escovas", sem grandes formalidades com os nossos amigos. Sonhamos em nos casar com uma cerimônia indígena na aldeia Apinajé (Apinayé), mas antes temos que sermos batizados na aldeia e ganharmos um nome indígena, quem sabe 2012...

Todo casal geralmente tem uma música, vou compartilhar a nossa neste domingão com vocês.

Frisson (Tunay)

Meu coração pulou
Você chegou, me deixou assim
Com os pés fora do chão
Pensei: que bom...
Parece, enfim acordei
Pra renovar meu ser
Faltava mesmo chegar você
Assim sem me avisar
Pra acelerar...
Um coração que já bate pouco
De tanto procurar por outro
Anda cansado
Mas quando você está do lado
Fica louco de satisfação
Solidão nunca mais

Você caiu do céu
Um anjo lindo que apareceu
Com olhos de cristal
Me enfeitiçou
Eu nunca vi nada igual
De repente...
Você surgiu na minha frente
Luz cintilante
Estrela em forma de gente
Invasora do planeta amor
Você me conquistou

Me olha, me toca, me faz sentir
Que é hora, agora, da gente ir

Em off: Júlio Te Amo!!!

13 de maio de 2011

Sumiu o post! *Atualizado*

Será que o dia 13 de sexta-feira se antecipou e chegou no dia 12, meu post "redondinho" sumiu no buraco negro do mundo virtual, como o meu sábio pai dizia "cavalo dado não se olha os dentes", sabe-se lá o que ocorreu no Blogger (???).
Alguém mais antenado no real/virtual sabe me explicar algo sobre...
Os comentários recebidos do penúltimo sumiram também (queroooooooo de volta!!!).


Imagem do Google

Uma boa sexta 13 para vocês!!!

sUMI!!

11 de maio de 2011

Novidades em Biojóias!

Moro numa zona rica em coco babaçu, ele sempre está muito presente em meus trabalhos. Para quem não conhece o coco babaçu: Aqui ele está natural quando maduro, cortado na vertical, que é a posição em que fica sua amêndoa, da qual é extraído o leite, o óleo e a farinha (rica em fibras), e fatiado e lixado para ser usado artesanalmente. O fundo da imagem é um kibano inacabado de tala de babaçu.




Colar regulável na altura com coco babaçu fatiado,



e com cascalho de pedra turmalina melancia.




Valor: R$ 35,00 (consultar frete). VENDIDO!



Fecho com acabamento final em cascalho de jupati, no fecho, ponta do coco babaçu.



Se quiser pode fazer uma composição com brincos de coco babaçu fatiado.



Moeda? É para se ter visão da proporção do tamanho. Valor: R$ 12,00 (consultar frete). VENDIDO!





Gargantilha/colar com sementes de açaí tingidas, mandala de coco babaçu com cascalho de pedra turmalina melancia.


Valor: R$ 30,00 (Consultar frete).




Fecho. Curiosidade: Para as pontas do cordão encerado não desfiar, passo cola de pano.



Opcional para compor, brinco com semente de açaí tingida. Valor: R$ 10,00 (Consultar frete).

9 de maio de 2011

Um Pouco Daqui Para Você!

Palmas - To, a mais nova capital do Brasil. A sombra no fundo da imagem são uma cadeia de serras, ótimas para fazer trilhas. O prédio grande ao centro é a sede do Governo Tocantinense.



Aqui uma das visões da cachoeira da Velha, no Jalapão.


As praias de água doce com suas areias brancas e finíssimas.


Parece as praias de Lençóis -MA. Mas são as dunas de areia do Jalapão, quer conhecer mais? visite http://jalapao.to.gov.br/


Aqui a minha paixão: Vista área da Ilha do Bananal!

O Tocantins abriga a maior ilha fluvial do mundo: a Ilha do Bananal. Um espaço de 20 mil quilômetros quadrados de extensão, considerado um dos santuários ecológicos mais importantes do país, onde convivem os ecossistemas de cerrado e floresta Amazônica.

Em seu território pode ser vista uma rara diversidade de animais e plantas. Não se assuste se você se encontrar diante de uma onça-pintada, um boto, uma garça-azul ou de uma tartaruga da Amazônia. Quanto à flora, você pode observar tanto orquídeas terrestres e ipês quanto as espécies típicas de matas ciliares e regiões alagadiças. (Márcio Di Pietro)



Esta foto quando foi tirada, eu estava do lado do fotografo (época que trabalhava com Meio Ambiente e Ecoturismo) a menina/índia é filha do Cacique Terrambi da aldeia Canuanã (Ilha do Bananal), estava na canoa indo para escola.


No Verão a Naturatins em parceria com a Prefeitura de Formoso do Araguaia - TO, retiravam os pirarucus (na região chamam de piroska) dos lagos que secavam e faltava oxigênio, para o peixe não morrer ele era retirado e levado em caixas d'água para o rio Javaés. Dava e dá um trabalhão, olhem o tamanho do peixão! Na foto meu amigo Rosa, empresário e Guia de Pesca Esportiva.


O sorridente de boné azul, meu grande amigo Alex, Consultor e Guia de Pesca Esportiva com seus turistas abraçados num pirarucu. Pela visão do fundo da imagem acho eles estão no rio Javaés e vê-se um pouco da vegetação da Ilha do Bananal, para contato vá http://www.alexpesca.com.br/home_0.html , e quem cuida da sua agenda é a sua Simpática esposa Alexsandra (amiga/irmã).



Aqui a maioria das imagens são do Google, tenho muitas fotos da ilha, pescaria (adoro pescar), só que tenho que escannear todas, e são muitasssssss. Ficarei devendo mais detalhes das praias, ilhas, fauna e flora e é claro muitas histórias para contar...

8 de maio de 2011

Flores Para Vocês...



Mães, mulheres! Fiquei a imaginar como homenagear vocês... Amo receber flores, aqui na região não existe floricultura, mas na minha amiga natureza existe uma grande e diversificada flora (Amazônia e Cerrado), e só preciso fotografar e oferecer para vocês!
Saindo um pouco deste mercado/mídia, que todos os dias seja valorizado como o dia MÃE, já que estamos presentes, e contidas neles.



Então, flores para vocês:

















Feliz "Dia" Das Mães!!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Template customizado por Meri Pellens.Tecnologia do Blogger.
Voltar ao topo